Browse By

Navegadores alternativos também no Vista e XP

Já está ficando repetitivo isso, mas ao que tudo indica o final dessa novela chegou. A informação veio na semana passada: A Microsoft vai oferecer navegadores alternativos no Windows 7 vendido na Europa. Ontem a Microsoft divulgou um documento com mais detalhes da proposta de acordo com a Comissão Europeia no caso antitruste sobre a inclusão do Internet Explorer no Windows.

Página de escolha de navegador

O Windows 7 não será o único que terá a opção de escolha do navegador. Para o espanto de muitos, a Microsoft propôs que as versões anteriores do Windows, XP e Vista, também ganhem a opção. O Windows 7 virá com o Internet Explorer 8, mas terá uma tela onde serão oferecidos até dez dos navegadores mais utilizados na Europa. O usuário escolhe qual deseja utilizar e o browser é baixado e instalado como padrão. Simples assim.

Nos Windows XP e Vista uma atualização distribuída através do Windows Update se encarregaria de fazer o processo descrito acima. Aproveitando a mudança, no caso do XP, a atualização/migração de navegador deveria ser obrigatória, e para o mundo todo. Já passou da hora da Microsoft enterrar de vez o desastre do Internet Explorer 6.

Enfim um final feliz. Os usuários não ficarão perdidos em um sistema sem navegador, como foi “proposto” inicialmente pela Microsoft com o Windows 7 E, e o processo é mais simples do que parecia. De todos os acordos possíveis, certamente esse é o menos pior. E que a paz volte a reinar entre a Microsoft e União Europeia.

Fonte: ZDNet.

<
  • Pingback: Rubens Baumgratz()

  • Tenho certeza que alguém vai chamar de injustiça o Icone do IE8 ser o primeiro da esquerda para a direita.

    • Danilo Souza

      Principalmente os Opera Lovers. UAhUHAuAHUhaUHAuHUahUHuah

      Ainda acho absurdo o novo navegador ser configurado como padrão. Deveria ter a opção do usuário escolher se quer que ele seja padrão ou não.

      • Phil

        Atitudes como a sua são apenas motivo para ser criticados pelos ditos “Opera Lovers”, agora os comentários desse post muito provavelmente levarão à uma guerra desnecessária. Eu uso, dos cinco presentes na tela, o Firefox e Chrome mais freqüentemente, e Opera, não tão freqüentemente, e tenho os outros dois instalados, raramente uso o Safari ou o Internet Explorer. Não me importo com isso, de acordo com o documento publicado pela Microsoft, os navegadores são escolhidos de acordo com a porcentagem de uso, e pelo visto, eles são apresentados da mesma forma. E sobre instalar o navegador como padrão, a menos que eu esteja muito enganado, essa tela só determina a instalação de um navegador, faz todo sentido deixar o navegador como padrão se essa tela só instala um deles.

        • Danilo Souza

          Mas pelo que a reportagem informou, o Win 7 ja irá vir com o IE8. Em casa Utilizo o IE8, FF 3.5 e o Opera, mas fico mais tempo no IE8 mesmo, pois alguns sites que acesso abrem meio que desconfigurados nos outros dois. Questão de costume mesmo. mas acho os 3 muito bons.

        • Desse modo o IE8 ficou numa posição beneficiada. Nem sei como a Opera não reclamou disso ainda. 😛

          A ordem poderia ser aleatória e dinâmica.

        • André Luiz

          Se já vem o Internet Explorer instalado por padrão, qual a necessidade de colocá-lo na lista de navegadores para poder ser baixado?

          Tem coisas que só a Microsoft faz para você!

        • Talvez seja para usuários do Windows XP e Vista. Mas enfim, aquela imagem é apenas um conceito, não significa que será daquele jeito. 🙂

        • Na verdade 50% do mundo escreve da direita para a esquerda (arabes, chineses), assim, o IE8 será o ultimo.

        • No mundo, mas não na Europa. 😛

        • Nós até que discordamos muito mas a tua sacada foi genial. É pura verdade mas a fartura de opções é boa para nós usuários.

        • Então Marcus, mas pode vir o Opera ou o Firefox pintados de dourado cintilante e mais um caminhão de browsers (inclusive o prometido Ramires Navigator Tabajara), que eu vou continuar a usar o IE, e o Chrome de vez em quando.

        • Ramires

          A sua resposta vai ficar sem resposta. Sem comentários.

    • Magnun

      Se levarmos conceitos psicológicos a debate o Opera vai ter maior aceitação por conta de seu banner ser vermelho que é uma cor atrativa mas o firefox também tem o azul em foco o que traz segurança e conforto.

  • Maurício

    MORTE AO IE6! Safado que atrapalha a vida dos designer (e dev também)… eu acho que no mínimo, o IE8 deveria entrar como atualização importante e não depender de intervenção do usuário.

    Mas ainda acho que não deveria vir com nenhum navegador instalado (calma, não joguem as pedras)… deveria vir com aquela janela estilo Windows Server, ou a Tela de Boas Vindas do sistema… e não com “O” InhEca instalado 😛

    • Quem usa o IE6 merece uma caixa de fósforo. Para acender e queimar a mão.

      • Queimaduras saram. 😛

        Quem usa IE6 merece que nenhum site abra nele.

  • o mais legal de tudo é o botão select later 😛 que todo bom usuario basico sabe apertar… é OK e mais tarde quando nao tem OK… 😛 até quando o popup diz “Deseja instalar o virus tal?” o usuario basicão vai e clica OK…

  • Pedro

    O Opera não ficou muito feliz com essa decisão não, olhem a resposta deles sobre a nova proposta da MS:

    “The decision has once again upset Opera who originally complained to the EU about Microsoft’s inclusion of Internet Explorer in Windows. According to TechFlash Opera’s chief technology officer, Hakon Wium Lie, suggested that displaying the IE logo could result in a natural bias toward Internet Explorer. “We’re not sure about the use of logos,” Lie said. “The blue ‘e’ has become so associated with the Internet in general, due to the bundling with Windows. We think using the blue “e” might not be such a good idea.” The European commission has welcomed the changes Microsoft has proposed.”
    Fonte: Neowin

    • Não tinha visto o Neowin, mas realmente tem muita gente que vê aquele ícone do “e” azul como a Internet. Nesse ponto concordo com a Opera. Porém é pedir demais que a Microsoft retire a logomarca do produto.

      • Pedro

        Eu concordo plenamente contigo.

        Eu já achava um exagero essa história de navegadores alternativos (como se já não tivesse uma grande concorrência, principalmente entre IE x FF) e agora com a história do Grande “E” não tem como os Opera lovers negar que o mimimi está passando do limite.

        • Concordo com a Opera, desde que tirem todos os logotipos, fique apenas um link escrito http://www.ie8.com. http://www.opera.com.

          Será que os “Operarios” vão querer.

        • Pedro

          Se tirar todos os logotipos só vai complicar a vida do usuário.

          As pessoas ligam muito um produto a sua logomarca e se tirarem o logo, aí que as pessoas vão simplesmente deixar de lado essa tela (por não entender aquele bando de nome com links) e continuar a usar o IE (que virá instalado por padrão), ao invês de instalar o Fx ou o Chrome ou qualquer outro navegador de sua preferência.

        • Sim, mas de acordo com os amigos do Opera, vai ser injusto, porém a justiça tem de ser igual para todos ok ? Tirou do Ie, tem de tirar de todos.

    • agora vão querer processar a MS pelo ícone do internet explorer? ou porque tem internet no nome?

      o povo do Opera só estará feliz quando conseguir instalar o Opera por padrão no Windows em detrimento do Internet Explorer… e vai ficar de “mimimi” pq não consegue concorrer a altura 😛 não que o IE seja bom, pq ele é podre, e nao que o Opera seja ruim, pq ele e bom, mas pq o Firefox foi o único que se mostrou capaz até agora de superar o IE 😛

      No dia em que o Firefox ultrapassar o IE o Opera vai ficar de “mimimi” pra processar o firefox… 😛

      • Danilo Souza

        Os criadores do Opera só sabem ficar de mimimi, só pra conseguirem os 15 minutos de fama. Ridículos!

        • Nesse caso foi má fama mesmo.

          Para mim quem vai sair ganhando será o Firefox e Chrome. Eles já são conhecidos e muita gente vai querer experimentar. Opera continuará na mesma.

        • Na verdade se amanhã o Opera deixasse de existir, poucos sentiriam falta.

          E não adianta falar ao contrario, basta se basear na audiencia desse e de outros tópicos relacionados a navegadores. Até os que defendem o Opera usam postam com outros navegadores UAUAUAUAUAUAU

  • Anderson

    Até que fim acabou essa… deixa pra lá!

  • Paulo Ricardo
    • Helito Bijora

      Opera e eu desejaríamos. 😛

    • Apple e distros Linux nem tem nada a ver e a Opera já quer que eles tomem a mesma atitude. Aí já é querer demais, né… 😛

    • Opera é para fracos, se quer entrar no mercado, jogue limpo, não fica se fazendo de coitadinho pra UE…
      Que venha o BRIC para acabar com isso ¬¬

  • Paulo Rodrigues
        • Paulo Rodrigues

          A falha apresentada no meio bit não afeta quem usa Linux, ops…

        • Ops, mas as relacionadas no Mozilla sim.

          E tem um monte, o duro é o usuario conseguir achar qual furo tem na versão que ele ta usando seja de Kernel (mais ligada a distro), seja do proprio Firefox.

      • A falha de um não justifica em nada a falha de outro.

        • Pedro

          O que ele quis motrar, acredito eu, é que todos os navegadores tem falhas.

        • Claro que não, se for assim, podem deixar de usar computadores, pois todos tem falhas, erros, bugs, brechas, etc, etc.

          É que eu não podia perder a piada, afinal, jogar pedra no telhado do vizinho é facil…

        • Paulo Rodrigues

          Falamos daqui a 8 meses, o IE está na reta final e a chegar a um ponto insustentável, a própria MS está a investir pesado no gazzel

        • Voce ja chego a usar o IE8 com o Windows 7, ou mesmo com o Vista em uma máquina com configuração adequada ao mesmo ? Se usou, percebeu que o desempenho é infinitamente superior ao IE8 no XP, que é a grande maioria dos casos que vejo por aqui. Novamente, estou me baseando na amostragem dos posts.

  • Ren

    “E que a paz volte a reinar entre a Microsoft e União Europeia.”

    Amém.

  • Gérson Wálter

    Browser 6 é o melhor.

  • Acho uma palhaçada isso da Microsoft ter que incluir browsers rivais no Windows…

    • Palhaçada é não respeitar as leis, goste você ou não.

  • Nem vou comentar de novo sobre isso.

    É legal e sujeito a interpretações de juízo de valor positivo, mas as pessoas insistem em continuar a falar besteiras. De ridículo e absurdo não tem nada. Não confundam legalidade e juízo de valor com essas duas palavras, “ridículo” e “absurdo”. Rídiculo e absurdo seria se a Microsoft tivesse acima da lei e o Estado tivesse que se reinventar e se abster da legislação e da independência jurídica por causa de uma empresa privada.

    • Guilherme

      Sabe qual é o problema destas pessoas e de seus argumentos toscos é porque vivemos num país governado por corruptos e incompetentes e o povo fica só olhando. Cadê os caras pintadas que derrubaram o Collor? Então falar em leis e democracia para que? Tudo bobagem para esta gente. Que venha a concorrência.

      • O que q isso tem a ver com a assunto? O_o

        Mas agora, achar argumentos toscos é a confirmação da ignorância.
        Pelo jeito vc não sabe e nem quer entender o motivo da existência de leis de interesse público e de proteção contra o poder econômico. Pelo jeito vc prefere ficar a mercê de interesses econômicos e do poder especulativo. Não entende nem o motivo de todos os países civilizados do mundo ter leis e conselhos econômico-jurídicos.

        Em resumo, o que no passado já se mostrou prejudicial ao consumidor e ao próprio sistema econômico, vc acha justo isso.

        Pra quê todo um projeto de interesse coletivo?: http://ec.europa.eu/competition/index_pt.html
        Pra quê serviços públicos que defendem não unicamente o mercado mas o interesse público?: http://www.mj.gov.br/data/Pages/MJ9CB6CDD9PTBRNN.htm

        O que se percebe é uma profunda alterações de valores. Ao invés de pessoas acharem justo a legislação que defende o interesse público, acham justo não ter ela pra prevalecer o interesse econômico e o interesse pessoal.

        Isso tenho certeza que é pura falta de conhecimento e até ignorância e falta de capacidade interpretativa pq confundem o juízo de valor na ação e interesses pessoais (pq são fanáticos por uma empresa privada) com o processo legal e necessário pra manutenção no próprio mercado e do interesse coletivo.

        • Guilherme, mais uma vez lembro que por essas obstruções legais, a Europa é chamada corretamente de VELHO MUNDO. Foi uma potencia, e por mais que ainda queiram usa-la como referencia, não é mais. Nem plantando batatas eles são competitivos. Por que ? Excesso de legislação protetora. Será que se o Opera fosses Argentino ou Australiano as “LEIS” seriam as mesmas ?
          Creio que não.

          Todo esse episódio RIDICULO, não passa de mais um protecionismo barato, mas não ao cidadão com voce alega, e sim ao produto interno.

        • Na verdade a Europa é conhecida com o continente mais próximo do bem-estar social, pois apesar dos grandes grupos estrem tomando conta do mundo, os setores sociais se mobilizam pra exigirem leis que garantam o interesse público em primeiro lugar. É só ver que na Europa tem mas melhores leis trabalhistas do mundo, leis que se tivessem no Brasil o empresariado cairia de pau no governo pq acharia absurdo.

          E leis protetoras são necessárias e existem em qualquer lugar. É só ler o site do Departamento de Justiça dos EUA: http://www.usdoj.gov/atr/
          Até nos EUA, o país que “inventou a pessoa jurídica”, o lugar berço das grandes corporações e do capitalismo selvagem, eles tem leis protetoras q, mesmo o conceito de justiça sendo diferente da Europa e do Brasil, sendo baseado na Common Laws, que torna a justiça bem independente do legislativo, já agiram muitas vezes contra grandes empresas e até a Microsoft.

          Mas e agora, se repararmos, países “livres”, do “tudo pode”, são uma bagunça. Veja a China, que obriga as empresas estrangeiras serem sócias do governo (ou seja, o governo ganha parte do lucro) mas não há leis trabalhistas, antitrust, ou mesmo uma regra geral, o governo pode ele mesmo quebrar as regras e nenhuma empresa tem o direito de reclamar, diferentemente da UE, que todas as empresas sabem as normas e a região tem q agir dentro da legalidade.

        • Por conta das “protetoras leis trabalhistas” a Europa tem o maior indice de desemprego do planeta. Se tivéssemos uma lei trabalhista como a Européia, com certeza teríamos índices maiores ou na melhor das hipóteses iguais. Não adianta falar em Suecia, Noruega, pois estes não representam a média Européia, que é composta por mais de 15 nações.

          “Tudo pode” é bem diferente do que eu mencionei (“protecionismo barato”). Acho que voce leu uma coisa e comentou outra, ou replicou meu post pensando em algum outro.

          Sim, obvio que cada pais tem sua legislação, e nesse ponto, mérito para os americanos, que alem de legislação, possuem um sistema jurídico infinitamente mais rápido do que o nosso. Mas nunca vi um caso tosco como esse sendo julgado nas cortes. Principalmente defender o interesse de uma empresa (Opera) em detrimento de outra (Microsoft).

          E reitero : Claramente a União Européia exibe sua face protecionista nessa ação sem pé nem cabeça.

        • Agora é contra leis trabalhistas O_O
          Impressionante como vc é contra tudo q é do interesse público.

          Europa não tem os maiores índices de desemprego. Isso é uma mentira vergonhosa. A taxa é de 9% na UE. A maior taxa dos últimos 10 anos, mas isso por conta da crise profunda, e por causa disso até pode piorar.
          No Brasil a taxa é 9% também, mas a medição é diferente. Se a medição fosse feita igualmente como nos EUA e na Europa a taxa seria muito mais alta. Só pra ter uma ideia, aqui

          Agora as leis trabalhistas são importantíssimas. Ser contra isso é terrível e mostra muito desinformação.

          Não precisa nem fazer teorias das ciências humanas, sociais, de bom senso, e fazer discursos de “proteção contra o poder econômico”, “manutenção de uma qualidade de vida e do bem-estar social”, basta ser até um extremo economista “sanguessuga” e ver o histórico de “relações de troca” na economia dos últimos séculos (manutenção de benefícios trabalhistas mesmo em tempos de crise) ou ver estatisticamente que os países que mais tem leis que protegem o trabalhador (e cumpre essas leis, claro) e mais investem no bem-estar social tem as melhores qualidade de vida do planeta e economias normalmente estáveis e mais fortes mesmo com grandes crises (veja a falida Islândia, que ainda é melhor de se viver qua a maior parte do mundo).

          Veja então países atrasados socialmente, como a China, onde esse ano, pela primeira na história, cada cidadão do país teve direito a férias. Pela primeira vez na histórias agora eles podem descansar míseros 7 dias por ano. No entanto continuam a trabalhar 12 horas por dia, 7 dias por semana, seja adulto ou criança. Se tiver doente, rua! Se achar o salário baixo, rua! Não gostei da tua cara, rua! Não existem leis trabalhistas decentes, não existem leis reguladoras na industria, não existe legislação ambiental. É um verdadeiro inferno social, e mesmo assim não é pior que a grande parte dos países subdesenvolvidos da Terra.

          Parece até uma pergunta idiota, mas seria melhor viver onde? Na China? Na Tailândia? No Zumbábue? No México? No Brasil? Ou na Noruega da licensa maternidade de 3 anos? Na França das 35 horas de trabalhos semanais? Na Suécia dos 300 dias de segurodesemprego e negociações de salários coletivas? Na Bélgica do salário mínimo de 1200 Euros? Na Europa como todo e suas excelentes leis trabalhista e que protegem o interesse coletivo?

          Essa sua inversão de valores é muito preocupante, pois mostra o nível de desinformação de muitos, mostra que muitos, mesmo com meios de busca de conhecimento, não buscam informação.

  • Eduardo

    Numa época não muito distante, eu usava o Netscape que era muito superior ao IE. Quando o mesmo deixou de ser atualizado, o que eu e meus amigos que não suportavam a lerdeza da internet discada ainda mais com o IE? Nós instalamos o Opera e fomos felizes até surgir o FF. O FF sempre foi mais funcional que o Opera, seus comandos parecem mais instintivos. O Opera continua rápido, mas não compensa usá-lo. O Chrome precisa melhorar em termos de compatibilidade com alguns sites Flash. O IE 8 continua muito mais pesado e lerdo que a concorrência, não consigo entender como alguem em sã consciencia consegue usá-lo como padrão.

    • Fernando

      Pesado em que sentido? no meu dual core ele abre rápido e navega rápido, exceto o javascript que no Chrome é mais rápido.

      No caso do Opera, que é o mais leve de todos, o javascript para o gmail é muito mais lento que o IE

      A notícia: no final o IE8 não sairá perdendo tanto assim, aliás, por ser bom, merece crédito

    • Eu uso sem problemas, muito mais rápido do que o Firefox ou o próprio Opera, mas nem tanto quanto o Chrome.

      Falando com a razão, colocando a emoção ou a pregação de lado.

    • Paulo Ricardo

      Vocês só podem estar brincando. 🙂

      • Paulo, que hardware voce tem, qual versão de sistema, tem um monte de fatores que influenciam e voce sabe disso. O IE definitivamente não é um sistema minimalista, levinho, mas com o hardware certo, ele melhora muito de desempenho. Em casa eu uso o IE8, primeiro sem nenhuma barra de ferramenta (nem google bar, nem asktoolbar, nem mininova bar), e como disse uso no Vista e no 7.

        Na empresa como agora, uso o XP, e nem sonho em abrir o IE8, pois sei que vai ficar muito lerdo mesmo, ele não foi otimizado para trabalhar neste sistema. Comparando com o Chrome que estou usando, é obvio, ele toma uma lavada. Em casa o Chrome continua rapido, mas
        não tem diferença do IE, devido a configuração mais boa de hardware.

        • Paulo Ricardo

          Intel Pentium Dual E-2180 2 GHz @ 2×1 GB RAM 667 MHz (dual-channel)
          Windows Vista Ultimate SP2, IE 8.0

          Não estou dizendo só JavaScript não, até na renderização de XHTML ele é lento. Já tentou abrir páginas cheias de imagens/tabelas/frames/whatever? A engine é muito ruim.

  • Danilo Souza

    O IE8 roda bem melhor no Vista e no Seven do que no XP como foi falado, e isso é fato.

    Todo mundo sabe que a UE queria tirar $ da Microsoft, como fez com a Intel.

    • sandrosfc

      o IE8 roda normal no meu XP,mas ainda prefiro o Firefox e Ópera,melhores navegadores. 😉

      • Danilo Souza

        Eu utilizo também o FF 3.5, mas utilizo bem mais o IE8. Instalei o Opera mas não vi diferença grande em relação ao FF que me faça manter 3 navegadores instalados.

  • Pingback: Mozilla comenta sobre a proposta da Microsoft da escolha de navegadores na Europa « Ricardo Oliveira em Blog()

  • Pingback: Organismos de controle: interesse privado e o interesse coletivo – Sinapses Livres()